UOL Mais > Viver despenteada

Demorei para conhecer esse texto, mas graças à prima Melinha pude lê-lo e sorrir com a ilustração. Foi postado em agosto de 2009. Quem o inseriu explica desconhecer a autoria, pois o recebeu por e-mail.

É, de fato, uma pérola.