Recebi, da prima Melinha, um anexo em que há uma explicação sobre a origem do “Toque do Silêncio”, eternizado em funerais militares dos EUA.

Ao procurar no “Slideshare.net”, em busca do crédito da formatação, aprendi que é uma tradução do espanhol, também disponível no “Slideshare”.

Embora uma narração belíssima, soou, para mim, uma lenda.

A origem do TAPS  para funeral militar – que está no anexo enviado pela prima Melinha – é desmistificada na postagem, abaixo, do YouTube.

Tomei conhecimento, também, que, no Brasil, o toque é diferente. Há postagem no YouTube.

Acompanhe:

Anúncios