Recebi como mensagem da prima “Melinha”, em 26nov2010, no corpo do texto, e posto exatamente como a recebi, exceto por uma foto linda, que, certamente, será encontrada (juntamente com outras fotos) nos links aqui apontados. Demorei para postar, mas, finalmente, aqui está:

“Ricardo Kandrotas, é amigo de minha tia que é  um apaixonado por Carmem Miranda.

Ele sabe tudo, tudo mesmo sobre ela. Já participou de entrevistas na TV , jornais e revistas, e neste e-mail que ele enviou tem tudo para quem quer conhecer a história dessa diva

que foi na música brasileira e que fez sucesso nos Estados Unidos, onde atuou em diversos filmes..

Vamos conhecer também.

Abraços,

Melinha…”

    Olá de novo amigos fãs de Carmen (e Aurora) Miranda,

    Estou enviando esta mensagem em completemento à anterior. A respeito da filmografia de Aurora Miranda nos Estados Unidos, deixei de mencionar sua participação no musical “Tell It to a Star”, também da Republic Pictures, em 1945. Ela se apresenta cantando “Começou a Batucada”, de Ary Barroso.

    Recebi mensagem em resposta à mensagem anterior de fã de Aurora me alertando para o fato de que ela também se apresentou no filme “Stars and Guitars” em 1944. É verdade, porém este foi o título provisório para o filme “Brazil” – ou seja, trata-se da mesma produção.

    Acredito que todas as informações estejam atualizadas.

    Meu abraço melhor a todos,

    Doni Sacramento
www.carmen.miranda.nom.br

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    Hello again friends fans of Carmen (and Aurora) Miranda,

    I am sending you this message further to the previous one. As for Aurora Miranda’s filmography in the U.S., I failed with not mentioning her participation in the musical “Tell It to a Star”, also by Republic Pictures in 1945. She performs a specialty singer with “Começou a Batucada” (The Batucada Has Started) by Ary Barroso.

    I got a message in reply to my previous one from a fan of Aurora’s calling me to the fact that she also performed in the movie “Stars and Guitars” in 1944. That’s true. However, that was the temporary title for the reissued “Brazil” – thus, the same production.

    I believe all the information has got now updated.

    With my best wishes to you all,

    Doni Sacramento

www.carmen.miranda.nom.br

——-Original Message——-

From: Doni Sacramento

Date: 26/11/2010 12:26:41

To: undisclosed-recipients

Subject: AURORA MIRANDA EM “A DAMA FANTASMA” (IN “PHANTOM LADY”)

Olá amigos fãs de Carmen Miranda,

    Todos vocês estão familiarizados com o título “Chica Chica Boom Chic”. Mas, e quanto a “Chica Boom Boom”? Para quem não sabe, este é o título do musical que a diva brasileira Estela Monteiro estrelou em temporada na Broadway. Estela Monteiro? Sim, este é o nome da personagem de Aurora Miranda no filme “A Dama Fantasma” (Phantom Lady) da Universal Pictures de 1944 (filmado em 1943).

    Aurora aparece interpretando a música “Chick-Ee-Chick” da dupla Jacques Press e Eddie Cherkose – os dois processaram a Universal com a fortuna na época de 20 mil dólares logo após a estreia do filme por seus nomes não aparecer nos créditos.

    Por falar em créditos, o nome de Aurora aparece sem o sobrenome para não provocar confusão com o nome da irmã já consagrada em Hollywood (a crítica entendeu que o que o estúdio queria era evitar rivalidade entre as irmãs e nós sabemos que isso jamais aconteceu ou teve o risco de acontecer por elas se adorarem). E ela teve o privilégio de nos créditos do filme seu nome aparecer antes do também consagrado ator coadjuvante Elisha Cook Jr.

    Este foi o primeiro filme americano que Aurora, já casada e aos 28 anos, fez nos Estados Unidos. Depois, em 1944, ela foi o primeiro ser humano a contracenar com personagens de desenho (junto com elementos do Bando da Lua) no filme “Você Já Foi a Bahia?” (The Three Caballeros) de Walt Disney. No mesmo ano, ela apareceu em “Brazil” pela Republic Pictures ao lado de Tito Guízar, Virginia Bruce, Edward Everett Horton (o qual trabalhou ao lado de Carmen em dois filmes) e do conhecidíssimo cowbow Roy Rogers. Mas não foi creditada no filme da Warner Brothers “Os Conspiradores” (The Conspirators), também nesse ano, onde aparece cantando “Rua do Capelão”.

    Aurora tem papel importante em “A Dama Fantasma” – “graças” a seu chapéu, ela quase injustamente ajuda a levar um cidadão americano à cadeira elétrica. Em inglês quase sem sotaque, ela tem diálogos inteiros, concede também umas palavras em português (de Portugal) e mostra sua linda voz soprano. Apesar dos “furos” no roteiro e na direção, o filme se tornou um clássico do gênero “noir”. E pioneiro em ter cenas ousadas, hoje de leve apelo erótico, que passaram “despercebidas” pela censura americana (o olhar insinuante que o bateirista da orquestra do teatro, personagem de Elisha Cook Jr., joga às mulheres da plateia, sua forma frenética de tocar a bateria e a viagem da câmera dos pés ao rosto de Ella Raines, a atriz principal), e devem ter deixado muita gente de rosto vermelho na plateia dos cinemas.

    Para nós brasileiros, o que importa é que as irmãs Miranda só nos dão orgulho. Vejam o vídeo com destaque à apresentação de Aurora neste filme em http://www.youtube.com/watch?v=xJ693Tj3rO4. Ou no site de Carmen em www.carmen.miranda.nom.br / Vídeos / Videoclipes Online / # 22.

    Bom divertimento a todos,

    Doni Sacramento
www.carmen.miranda.nom.br

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    Hello friends fans of Carmen Miranda,

    You all are familiarized with the title “Chica Chica Boom Chic”. What about “Chica Boom Boom”, though? To those who don’t know, that is the title of the musical that the Brazilian diva Estela Monteiro starred in a season on Broadway. Estela Monteiro? Right. That’s the name of Aurora Miranda’s role in “Phantom Lady” for Universal Pictures in 1944 (produced in 1943).

    Aurora sings “Chick-Ee-Chick” by Jacques Press and Eddie Cherkose – both sued Universal on those-days-fortune sum of 20 thousand dollars upon its release for their names not being credited.

    Also about credits, Aurora’s name appears with no surname for her not to be mixed up with her Hollywood famous sister (the critics took that as a studio’s scheme to avoid the rivaling between the sisters, which we know has never happened nor had the chance to ever happen for both loved each other). Besides, she had the privilege of having her name appearing before the one of already famous supporting actor Elisha Cook, Jr.

    That was Aurora’s first movie in the U.S, already married and at the age of 28. Then, in 1944, she was the first human being to ever co-act with cartoon characters (together with some members of the Bando da Lua) in “The Three Caballeros” by Walt Disney Studios. Also, in the same year, she was in “Brazil” by Republic Pictures with Tito Guizar, Virginia Bruce, Edward Everett Horton (who worked with Carmen in two movies) and the quite well-known cowboy Roy Rogers. However, she was not credited in Warner Brothers’ “The Conspirators”, in the same year, where she sings “Rua do Capelão” (The Chaplain’s Street).

    Aurora was given important role in “Phantom Lady” – “thanks” also to her hat, a man was nearly and unfairly taken to electric chair. In very good English and with entire dialogues, she gives out some words in Portuguese and has the chance to endow her beautiful soprano voice. Although the screenplay and direction gaps, the movie turned out to be a noir classic. It is also pioneer in having daring scenes, today seen as light erotic appeal, which were “overlooked” by the U.S. censorship (the insinuating look that the theater’s orchestra drummer, played by Elisha Cook, Jr., lays on the female audience, his exciting way with playing the drums and the camera’s from-feet-to-face travel over Ella Raines, the leading actress), and must have blushed many people’s faces in the movies audiences.

    To us Brazilians, what matters is that the Miranda sisters only make us proud of them. Check out the video with highlight to Aurora’s performance in that movie at http://www.youtube.com/watch?v=xJ693Tj3rO4. Or on Carmen’s website at www.carmen.miranda.nom.br / Vídeos / Videoclipes Online / #22.

    Enjoy. Best wishes to you all,

    Doni Sacramento
www.carmen.miranda.nom.br

Anúncios