Então, leia o pedido de Dilson Branco para os contatos:

Olá, pessoal! Como sempre, lá venho eu pedir a ajuda de vocês para encontrar entrevistados para a revista Sorria. Procuramos pelos seguintes perfis:

1. Alguém que tinha preconceito com relação a uma pessoa, venceu esse preconceito e acabou ganhando um grande amigo ou um namorado(a). Pode ser qualquer tipo de preconceito: cor da pele, religião, classe social… Por exemplo: alguém que, sem conhecer direito o vizinho, mantinha distância por ele ser negro, índio, muçulmano, judeu, chinês, coreano, nordestino, pobre ou seja lá o quê. Mas aí um dia precisou pedir ajuda, algo emprestado ou coisa assim, e acabou conversando e percebendo que tinha mais coisas em comum do que diferenças, tornando-se um bom amigo.

2. Alguém que pediu perdão por algo grave. Alguém que tenha causado um forte sofrimento em outra pessoa, mas que tenha se arrependido e pedido perdão. Que tenha sofrido muito com a culpa, mas que depois de pedir o perdão se sentiu mais leve. E que tenha mudado algum hábito na vida, comprovando seu arrependimento. Por exemplo:

– Alguém que tenha causado um acidente em que outra pessoa morreu ou ficou com alguma sequela grave. E que hoje faça algum tipo de campanha de prevenção a acidentes desse tipo.

– Familiares que brigaram, se separaram durante um tempo e depois se reconciliaram. Um pai que se afastou por causa de algum vício, um filho que se sentia injustiçado, irmãos que se enfrentaram na justiça por causa de herança…

Procuramos também pelas pessoas que perdoaram.

3. Alguém que se perdoou. Pessoa que se sentia culpada por algo que fez ou deixou de fazer, mas hoje entende que não tinha responsabilidade pelo fato, e se sente em paz. Por exemplo:

– Médico que perdeu um paciente. Se sentiu culpado por um bom tempo, mas depois percebeu que fez tudo o que poderia, e que a morte era inevitável.

– Pai/mãe cujo filho morreu (num acidente, de alguma doença…). No início, a pessoa achava que poderia ter feito alguma coisa para salvar. Mas depois de algum tempo percebeu que não foi culpa sua.

4. Alguém que cumpriu uma promessa de fim de ano. Alguém que prometeu em algum réveillon que iria emagrecer, parar de fumar, ter mais tempo para a família ou alguma coisa assim, e que cumpriu. Procuramos por resoluções voltadas a hábitos saudáveis/bem-estar, pois a seção é sobre saúde.

5. Crianças que gostem de brincar na piscina. Uma turma de amigos, vizinhos, primos que adore fazer brincadeiras na piscina, como caça ao tesouro, corrida de boia etc. Podem ser também adolescentes, jovens ou até mesmo adultos.

Vocês conhecem alguém que se encaixe em alguma dessas descrições?

Para saber mais sobre a Sorria, acesse nosso site: http://www.revistasorria.com.br/site/o-projeto/

Obrigado!

Abraço,

Dilson Branco

dilson@editoramol.com.br

MOL

http://www.editoramol.com.br

(11) 3024-2449.

Anúncios